Um novo conceito em cuidado animal.

Fisioterapia - Texto Técnico

fisioterapia

Onde a fisioterapia pode auxiliar no tratamento?

A fisioterapia pode atuar, prevenindo, mantendo, reabilitando ou promovendo a melhora da funcionalidade e aptidão física, bem-estar e qualidade de vida do nosso paciente. Na recuperação pré e pós de procedimentos ortopédicos cirúrgicos (por exemplo, colocefalectomia de fêmur), programas de monitoramento de perda de peso, fortalecimento de grupos musculares específicos, manejo da dor e de feridas, reabilitação de pacientes com déficits neurológicos e ajuda no controle de condições crônicas (por exemplo, osteoartrite) ou progressivas (por exemplo, mielopatia degenerativa). Uma maior ênfase é dada na prevenção ou diminuição dos sinais clínicos, na progressão das disfunções, nas limitações funcionais e na incapacidade que podem resultar de algumas doenças, distúrbios, condições ou lesões. Para promover estes benefícios são utilizadas técnicas de massagem, cinesioterapia, termoterapia, eletroterapia, ultrassom e Laser/fototerapia.

Técnicas de massagem:

A massagem causa efeitos reflexos que são produzidos na pele pela estimulação de receptores periféricos que transmitem impulsos por meio de fibras nervosas aferentes primeiramente para medula espinhal e depois para o cérebro, assim produzem sensações de prazer e relaxamento. Os efeitos mecânicos desta técnica consistem em medidas que auxiliam o retorno do fluxo sanguíneo e o linfático e que produzem mobilização muscular, podendo remover acúmulos de líquidos e desfazer aderências precocemente.

Cinesioterapia:

A cinesioterapia explica-se pelo seu próprio nome, pois o termo cinesio significa movimento, e terapia significa tratamento, ou seja, tratamento pelo movimento, sendo que este pode ser ativo, passivo, ativo assistido, ou pode ainda ser feito na forma de alongamento ou fortalecimento. Durante esta terapia estaremos sempre trabalhando o conceito AFIRME onde o paciente é visto de uma forma global, personalizada e diferenciada com o objetivo de Alongar, Fortalecer, Informar, Reprogramar, Mobilizar e Estabilizar.

Termoterapia:

Nesta terapia são utilizados calor ou frio com vários objetivos. No caso do uso da crioterapia (frio) temos como alguns dos objetivos a redução da inflamação e o alivio da dor. Quando utilizamos o calor superficial temos como principais objetivos o relaxamento muscular, alivio da dor e o aumento do metabolismo local.

Eletroterapia:

A estimulação elétrica consiste no uso de correntes elétricas para tratamento de disfunções neuromusculares, como fraqueza ou queda de resistência física, onde se despolariza o neurônio motor, o que causa a contração muscular, e no controle da dor, onde o objetivo é despolarizar os neurônios sensitivos para suprimir a dor.

Ultrassom terapêutico:

Esta terapia pode produzir efeitos térmicos e não térmicos. Dentre os benefícios dos efeitos térmicos temos o aumento da elasticidade do colágeno, do fluxo sanguíneo, da velocidade do estimulo nervoso, da atividade enzimática e do limiar da dor. Os efeitos não térmicos atuam alterando a permeabilidade de membrana celular, estimulando a deposição de colágeno, angiogênese e proliferação de fibroblastos, sendo gerados através das ondas acústicas que provocam vibração molecular.

Laser de Baixa Frequência:

Laser de baixa freqüência emite luz com efeitos terapêuticos no organismo do animal. A tradução de laser é: “Light Amplification by Stimulated Emission of Radiation“, sendo assim, são terapias por emissão de luz com efeitos teciduais. Atua no sistema circulatório, linfático, nervoso e na cicatrização de feridas, através da estimulação de fibroblastos, angiogênese, incremento de ATP e síntese protéica, além de causar analgesia por poder estimular a secreção de endorfinas e encefalinas. Sendo assim considerado um biomodulador por estimular e inibir alguns processos biológicos. Devido a seus efeitos biológicos no organismo, a laserterapia tem as seguintes aplicações: analgesia, ação antiinflamatória, redução de edemas, regeneração de nervos periféricos e cicatrização de feridas abertas ou queimaduras. Também é utilizado na estimulação de pontos de acupuntura e no pós-cirúrgico.

Fototerapia:

Fototerapia é uma terapia que assim, como o laser utiliza a emissão da luz a fim de produzir mudanças químicas e biológicas no tecido tratado. Mas difere do laser em algumas particularidades físicas dos próprios aparelhos. Os principais efeitos da fototerapia nos animais são: redução da dor, redução do edema porque melhora a estagnação circulatória e linfática, diminui o tempo de cicatrização de feridas e diminui o tempo de formação do calo ósseo e melhora a extensibilidade dos tecidos tratados.

Magnetoterapia

É o uso de campos eletromagnéticos pulsáteis de freqüência e intensidade variávies. É indicado para o tratamento de fraturas, mesmo na presença de implantes metálicos, osteoartrites, tendinites e prevenção de perda óssea quando o membro está impossibilitado do apoio funcional. Pode ser empregada também para o alívio da dor, principalmente pelos efeitos sistêmicos de relaxamento muscular, analgesia e sedação generalizada que produzem.

Terapia por Energia Mecânica – Infrasom

São vibrações mecânicas oscilatórias que aumentam o fluxo sanguíneo com incremento no metabolismo local. Indica-se o uso em contraturas musculares de origem ortopédica e/ou neurológica.
R. Joaquim Nabuco, 1670, Novo Hamburgo, RS. Fone: (51) 3035.5540
Noah Pet Spa © 2012. Todos os direitos reservados.
destta arquitetura + design